sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

VANIA: Dentro deles mesmo que de havaianas




foi ali bem no meio de mim
me lembro
de ter uma taça de vinho entre nós
e muitos pés
me lembro de cada rosto
do resto da história duvido
por certo que de alguns
só restou um pé de sapato
não importa
doces encontros
abraço cada um
como nunca abracei antes
só quero saber
a hora de deixar a porta aberta
chamar meus amigos
sentados pela vida
deixar a vida sentada em mim
ah, e eu dentro deles
mesmo que de havaianas


Vania Lopez

-------------------------------
Vania Lopes, artista plástica e poeta,de nacionalidade brasileira, acrescenta, ao talento que se lhe reconhece, uma capacidade de criar laços, numa postura permanente de colaboração, partilha e amizade. Fica aqui este pequeno registo, que outros se seguirão, certamente, se houver oportunidade...

arlindo mota

2 comentários:

porques,praques disse...

Se gratidão tivesse tamanho, não saberia ainda agradecer sua amizade e gesto. Vou sentir e descartar as palavras e ficar com os sentimentos que brotam tão fácilmente nesse solo de alma.
Um beijo sem mar.


Vania

arlindo mota disse...

...eu acho que ficou mesmo bem naquele lugar, estava um vazio para preencher (repara que eu não disse decorar...)

...e acertei, quadro bonito junto a um poema magnifíco, que melhor para preencher vazio?

beijo