terça-feira, 22 de dezembro de 2009

LEDALGE: A Alma Poeta

A alma poeta é uma multifacetada ideologia

Um quinhão de sonhos entre os arbustos

O estancar sanguíneo diante dos suplícios

A alma poeta que tem luz, não a simples que se acende

Mas, a que transmite ao mundo clarividências ardentes

Na ponderada palavra, sem tormentas nas veias

Assim, vejo que nasceu essa alma poeta

A que partilha, acarinha, ensina e revela

Que o melhor dos sons não está no verso, mas no coração

E isso, não se aprende na escola, nem na rua, nem nas desditas...
mas sim na emoção!


Ledalge (pseudónimo de Núria Carla)
(*Publicado originalmente no site Luso-Poemas)