domingo, 18 de agosto de 2013

POR VEZES ACONTECE...

 
 
                                                                                                         foto: apm


POR VEZES ACONTECE…


exíguos catres, toscas e frágeis naus,

para o mundo que ousámos pesquisar,

nas viagens que fazemos companheira,

pelo mar que só distingo ao navegar.



por vezes acontece, um súbito momento

em que o grito dificilmente se sustém,



… e quem ali estiver na amurada

há-de sentir na voz que se anuncia,

por entre o vento suão e a nortada,

que o ser existe, o pensamento, a ira,

o desespero, o sonho e a loucura,

que tudo vale a pena, enquanto a vida dura.



arlindo mota





2 comentários:

Solange disse...

enquanto a vida dura..

bjs.Sol

mariam [Maria Martins] disse...

... por vezes acontece lermos um poema e voltarmos a ele mais vezes, foi o caso deste que é belíssimo.
Beijinhos :)
mariam